Sindipetro-PA/AM/MA/AP
  • A empresa Congelseg assumiu o restante do contrato da VIP Vigilância, na Transpetro São Luís, por meio de um contrato “tampão”. Nem bem chegou e já está atrasando salários dos trabalhadores.
    No último mês, a terceirizada chegou a atrasar o pagamento dos salários em 26 dias. E agora em outubro já estamos na segunda quinzena do mês e nada dos salários. Ainda pior, os vigilantes estão indo trabalhar sem receber sequer os vales transporte e alimentação.
    Foi apurado pela direção do Sindipetro que a Transpetro reteve o pagamento da terceirizada em outubro. Mas até o momento os trabalhadores seguem no prejuízo. A […]


    Leia mais...

  • Mais de um mês de espera após envio de ofício solicitando encontro com o presidente sobre a situação dos terminais de Belém e São Luís, a direção da empresa finalmente entrou em contato com o sindicato.
    Quando parecia que a reunião seria agendada, o RH informou que havia recebido orientação de não realizar reuniões do tipo durante a negociação do ACT.
    Chegou-se a oferecer uma mesa com a gerência de RH, o que foi negado pelo sindicato. Entendemos que entre os assuntos que serão tratados estão questões de ordem estratégica, como a questão do leilão do Porto de Miramar, as quais somente […]


    Leia mais...

  • Categoria não aceita corte de direitos, FNP exige nova proposta e rodada de negociação
    Infelizmente não há o que comemorar no aniversário da Petrobras. O Sindipetro PA/AM/MA/AP notificou o RH da empresa da rejeição, com 100% de votos, da primeira proposta para o ACT 2017/18. Nas demais bases sindicais, a categoria está derrotando o pacote de maldades. A direção da FNP, com base no resultado das assembleias, vai solicitar nova proposta e rodada de negociação o quanto antes.
    Além dos ataques internos, a Petrobras passa por uma ofensiva que ameaça sua continuidade enquanto empresa pública. Questionado na segunda-feira (2/10) sobre a possível […]


    Leia mais...

  • No sábado (30/09), a equipe de manutenção do Urucu (AM) detectou uma parada na turbina HPT do compressor de reinjeção (máquina B). Este é um dos equipamentos importantes para manter a produção de óleo e gás estável, com nível de queima do gás de acordo com a lei estabelecida pela ANP. Identificado o problema pela manutenção, o número de trabalhadores nas duas turmas embarcadas não seria suficiente para tocar o serviço. Foi inevitável convocar em regime de urgência aqueles que estavam de folga para recompor as equipes e tentar resolver a questão.
    Não bastasse, na OPM existem duas turbinas reservas que […]


    Leia mais...

  • Por todo o Brasil, foram realizados atos contra a privatização da Petrobras e suas subsidiárias. Os petroleiros da Amazônia fizeram sua parte e se incorporaram às atividades. Em Manaus, trabalhadores das UTEs Jaraqui e Tambaqui fizeram atraso e reuniões setoriais com a direção do sindicato. Foi discutida a situação das negociações do Acordo Coletivo e os ataques do governo à Petrobras e aos direitos dos trabalhadores.
    Em Belém, a data de 03 de outubro foi marcada por mobilizações. No terminal da Transpetro, os petroleiros se somaram aos portuários, que faziam um “trancaço” na entrada do Polo Petroquímico de Miramar.
    No Edipa, no […]


    Leia mais...

Página 3 de 12112345...102030...Última »